Falta de profissionais impede abertura de novos leitos de UTI em SC

A falta de profissionais da saúde qualificados vêm dificultando a abertura de novos leitos de UTI em Santa Catarina. Para cada leito de terapia intensiva direcionado para pacientes com complicações da Covid-19, oito profissionais são necessários.

Diante deste cenário, jornadas exaustivas trazem sobrecarga para os profissionais já atuantes.

Confira todos os detalhes na reportagem.

+

ND Notícias