Família procura por jovem desaparecido há 20 dias em Florianópolis

Atualizado

A família do estudante de Design Gráfico Victor Scot procura por informações sobre seu paradeiro. O jovem morador de Itapema, no Norte do estado, foi visto pela última vez no Centro de Florianópolis no dia 12 de janeiro.

Victor Scot de 20 anos está desaparecido há 20 dias – Foto: Reprodução/Facebook

Segundo o pai de Victor, Alciones Scot, o jovem veio para Palhoça no dia 10 de janeiro acompanhar sua tia que iria realizar exames com anestesia geral.

Ainda segundo o relato do pai, a tia levou o Victor para conhecer o Parque da Luz e o jovem teria gostado e dito que havia “se encontrado” na cidade.

Leia também:

No dia seguinte, após o exame, ele não retornou para a casa com a tia, afirmando que ficaria em Florianópolis por conta própria.

O jovem vestia blusa e calça pretas e tem tatuagens de coração na mão, triângulos na nuca e a frase “duste gold” nos dedos. Victor também tem um piercing no septo.

Victor respondeu mensagens da família no dia 13 de janeiro e fez algumas postagens nas redes sociais. Contudo, não informou onde estava.

Foram realizadas buscas pela família na Praça 15, Terminal Rodoviário Rita Maria e Parque da Luz.

De acordo com delegado Wanderley Redondo, titular da DPPD (Delegacia de Polícia de Pessoas Desaparecidas), não há informações sobre o paradeiro de Victor. Mas, equipes da assistência social estão trabalhando nas buscas pelo jovem.

Qualquer informação sobre o paradeiro de Victor pode ser encaminhada para o número 197 ou para o (47) 9655-2110.

Mais conteúdo sobre

Polícia