Fiscalização aponta 340 imóveis com esgoto irregular em Ponta das Canas e Canasvieiras

Atualizado

Uma fiscalização apontou que 340 imóveis apresentam ligações de esgoto irregulares nos bairros Ponta das Canas e Canasvieiras, em Florianópolis. No entanto, 161 imóveis já se encontram regularizados ou encontravam-se regulares na primeira inspeção do programa.

Os dados foram obtidos após a inspeção do Programa Se Liga na Rede, da Prefeitura, que inspecionou 501 imóveis de 31 de outubro até esta quinta-feira (23).

Bairro Ingleses também contou com a fiscalização – Foto: Prefeitura de Florianópolis/Divulgação/ND

Dentre as inadequações encontradas estão: caixa de gordura inexistente ou inadequada, esgoto conectado na rede pluvial, pluvial conectada na rede de esgoto e até a não ligação do imóvel à rede.

Para se regularizar, o proprietário do imóvel recebe um prazo – que varia de 15 a 30 dias, a depender da irregularidade – para resolver o problema. Feitas as adequações, a equipe retorna para comprovar que as ligações estão corretas.

Leia também:

As informações dos imóveis que descumprirem o prazo são repassadas à Floram e à Vigilância em Saúde, ficando o proprietário sujeito a sofrer as penalidades previstas na legislação.

O proprietário pode receber multa por crime ambiental, em caso de esgoto na rede pluvial, com valor de, no mínimo R$ 5 mil ou até mesmo o lacre da ligação irregular.

O Floripa Se Liga Na Rede é um programa da Prefeitura de Florianópolis, em parceria com a Casan (Companhia Catarinense de Águas e Saneamento) e executado pela ECHOA Engenharia, que busca incentivar a população, através de consultoria técnica gratuita, a regularizar as ligações de esgoto de imóveis e comércios.

Ligações sanitárias inadequadas podem causar entupimento das redes públicas de esgoto e de drenagem com gordura, vazamento de esgoto na rua e contaminação de mar, rios e baías.

Infraestrutura