Forte terremoto, o segundo em três dias, deixa 5 mortos nas Filipinas

Atualizado

Um novo terremoto de 6,5 graus de magnitude registrado na quinta-feira (31), em Mindanao, sul das Filipinas, deixou cinco mortos e um rastro de destruição, segundo o Instituto de Estudos Geológicos dos Estados Unidos (USGS). Este é o segundo tremor em três dias na mesma região.

O prefeito da cidade de Tulunan, Reuel Limbungan, disse à AFP que o novo terremoto ocorreu quando o comércio se preparava para abrir as portas e as escolas começavam a receber os alunos.

Leia também:

“Todo mundo correu para sair dos prédios”, disse Limbungan, acrescentando que o terremoto de ontem “foi mais forte que o anterior”.

Segundo terremoto foi registrado na mesma região das Filipinas – Foto: Divulgação/ND

Na terça-feira (29), outro terremoto, de 6,6 graus, matou 10 pessoas e deixou mais de 50 feridos, também em Mindanao. Em abril, pelo menos outros dois fortes tremores ocorreram nas regiões de Luzón (na ilha em que fica a capital Manila) e Samar (no Oeste do Arquipélago).

As Filipinas fazem parte do chamado “Círculo de Fogo”, uma zona de intensa atividade sísmica que se estende do Chile ao sudeste da Ásia. (Com agências internacionais).

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Mais conteúdo sobre

Mundo