Cacau Menezes

Apaixonado pela sua cidade, por Santa Catarina, pelo seu país e pela sua profissão. São 45 anos, sete dias por semana, 24 horas por dia dedicados ao jornalismo


Geração espontânea lembra ausência da UFSC

UFSC, – Foto: Divulgação

Trecho do manifesto divulgado ontem aqui no ND pelo Floripa Sustentável, intitulado “A ausência da UFSC quando mais se precisa dela” tocou a sensibilidade daqueles mais antigos que estudaram e lecionaram na instituição. É aquele que diz o seguinte: “É preciso lembrar que a nossa Universidade Federal não nasceu de ‘geração espontânea’ há quase 60 anos. Foi a comunidade catarinense, até hoje mantenedora e financiadora da UFSC por meio dos seus impostos, que criou e desenvolveu essa Instituição”. O arremate poderia ser assinado por qualquer catarinense: “Temos orgulho da UFSC, por seu passado, por seu presente e temos obrigação de zelar por seu futuro”.