Governo do Estado libera atuação da construção civil em Santa Catarina

Atualizado

O Governador de Santa Catarina, Carlos Moisés, anunciou uma portaria que autoriza a retomada das atividades de construções privadas, serviços de materiais de construção e atividades de corretoras de imóveis. A medida é válida a partir desta quinta-feira (2) com os mesmos cuidados sanitários para evitar o contágio do novo coronavírus.

Material de construção – Foto: André Borges/ Agência Brasil

Leia também:

A medida foi anunciada em coletiva de imprensa virtual no início da noite desta quarta-feira. As construções públicas já estavam permitidas a partir da mesma data. A medida faz parte do plano estratégico da retomada das atividades econômicas em todo o território catarinense e foi tomada a partir de um encontro do grupo de trabalho voltado para a área econômica entre governo e entidades do Estado.

A portaria determina também a liberação do funcionamento dos estabelecimentos comerciais de materiais de construção, ferragens, ferramentas, material elétrico, cimento, tintas, vernizes e materiais para pintura, mármores, granitos e pedras de revestimento, vidros, espelhos e vitrais, madeira e artefatos, materiais hidráulicos, cal, areia, pedra britada, tijolos e telhas.

Os serviços de comercialização e aluguel de imóveis, do setor de corretora de imóveis, também poderão voltar a funcionar. No entanto o atendimento deve ser realizado de forma online ou individualmente, por agendamento e os estabelecimentos seguirem de portas fechadas.

“Nós concluímos que havia um tratamento desigual e precisávamos distensionar o setor da construção civil. A decisão vai nesse sentido. As empresas precisarão respeitar as normas estabelecidas pelo Governo do Estado. A retomada gradativa das atividades precisa ocorrer de forma segura e as reuniões do Núcleo Econômico nos levam a ter mais estabilidade na tomada das decisões”, afirmou o governador.

Mais conteúdo sobre

Saúde