Governo Federal libera R$ 250 milhões para bolsas do CNPq

Atualizado

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta segunda-feira (4) a liberação de recursos para garantir o pagamento, até o fim do ano, de 100% das bolsas do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico).

“Organização e enxugamento dos gastos gigantescos do passado para focar aonde podemos crescer. Foram R$ 250 milhões: importância da comunidade científica nacional”, escreveu o presidente nas redes sociais.

No dia 17 de outubro, o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações já havia anunciado que os recursos estão garantidos até o fim do ano.

Do total, R$ 93 milhões foram disponibilizados por meio do Projeto de Lei 41, aprovado pelo Congresso Nacional, e R$ 156,9 milhões por meio de portaria assinada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, na semana passada.

O MCTIC informou que são quase 80 mil bolsistas beneficiados atuando em diferentes áreas de pesquisa. E, para 2020, já foi garantido o mesmo orçamento deste ano para o conselho. Além das bolsas, o CNPq custeia projetos de pesquisa feitos em instituições de ensino superior e centros de investigação.

Óleo no Nordeste

Após reuniões pela manhã, no Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro se reúne agora com o ministro da Defesa, Fernando Azevedo, para tratar sobre o combate às manchas de óleo que atingem o Nordeste do país.

No sábado (2), a Marinha informou que pequenos fragmentos de óleo foram encontrados e recolhidos no Arquipélago de Abrolhos, na Bahia, e no domingo (3), Azevedo sobrevoou a região e acompanhou as operações de monitoramento e limpeza das áreas atingidas.

Política