Greve na Cooperbarco reduz horários do transporte na Lagoa da Conceição, em Florianópolis

Atualizado

Trabalhadores da Cooperbarco, cooperativa que faz o transporte marítimo na Lagoa da Conceição até o bairro Costa da Lagoa, decidiram entrar em greve por tempo indeterminado nesta segunda-feira (12). Com a paralisação, os horários dos barcos foram reduzidos pela metade.

Por causa da greve, os horários dos barcos na Lagoa fora reduzidos pela metade - Daniel Queiroz/ND
Por causa da greve, os horários dos barcos na Lagoa fora reduzidos pela metade – Daniel Queiroz/ND

O motivo da greve é a falta de repasse pela Prefeitura de Florianópolis, que está questionando algumas das notas enviadas pela cooperativa em sua prestação de contas anual, exigência para que o repasse continue sendo liberado.

O presidente da Cooperbarco, Rubens Onofre Laureano, informou que tais notas foram enviadas pela administração anterior da cooperativa e que por isso ele não sabe exatamente do que se tratam.

“O último repasse, que é em torno de R$ 35 mil, foi pago em novembro de 2016. Desde então, estamos bancando sozinhos com os custos das embarcações, trabalhadores, combustível e os demais gastos”, afirmou. Ele diz que somente o preço da passagem é insuficiente para cobrir todas as despesas. Atualmente, o morador da região paga R$ 2,50 (com meia tarifa para estudantes) para cruzar a Lagoa de barco. Turistas pagam R$ 10 o trecho.

Por meio de assessoria de imprensa, a Prefeitura de Florianópolis confirmou que a Cooperbarco teve um problema na prestação de contas do ano passado e que por isso consta uma restrição legal para que o repasse seja novamente liberado.

Conforme a prefeitura, algumas das notas questionadas não condiziam com o subsídio que era pago pelo governo municipal para os gastos com o serviço, como a compra de carnes, por exemplo.

A prefeitura informou ainda que está esperando que a cooperativa se regularize para que o subsídio seja novamente liberado. As notas foram enviadas para uma auditoria da Secretaria Municipal da Fazenda e uma nova reunião está agendada com os trabalhadores para a tarde desta terça-feira (13).

Até que a situação seja regularizada, a Cooperbarco informou que fará o transporte com apenas 16 dos 31 horários normais disponíveis. Confira os horários em que os barcos continuam circulando:

Saída da Costa da Lagoa: 5h50, 7h, 9h40, 11h45, 14h, 16h, 18h30, 21h30.

Saída da Lagoa da Conceição: 7h10, 9h15, 12h30, 14h10, 16h18, 17h40, 20h10, 23h30.

Cidade