Homem de 57 anos fica em estado grave após explosão de armadilha, em Angelina

A vítima foi localizada em uma mata fechada, no alto de um morro, na região de Rio das Antas - Águia 02/Divulgação/ND
A vítima foi localizada em uma mata fechada, no alto de um morro, na região de Rio das Antas – Águia 02/Divulgação/ND

Um homem de 57 anos ficou gravemente ferido na tarde desta quinta-feira (20) após, segundo populares, ter provocado uma explosão enquanto montava uma armadilha. O incidente aconteceu em Angelina, em uma área de difícil acesso próximo à região de Rio das Antas.

Após moradores das proximidades ouvirem uma explosão, a Polícia Militar foi acionada e mobilizou uma guarnição especial de Santo Amaro da Imperatriz. Mesmo com orientações de moradores, os agentes levaram cerca de uma hora para localizar a vítima, que estava em uma área restrita, de mata fechada, no alto de um morro.

Após ser transportado por uma trilha de 500 metros, o homem foi levado pelo helicóptero Águia 02 - Águia 02/Divulgação/ND
Após ser transportado por uma trilha de 500 metros, o homem foi levado pelo helicóptero Águia 02 – Águia 02/Divulgação/ND

O helicóptero Águia 02, da PM, foi chamado para realizar o resgate do homem, que foi socorrido pela equipe médica do Samu. Com sinais vitais, ele foi estabilizado e medicado, mas esteve inconsciente ao longo de todo o atendimento. Após o pouso do helicóptero, a cerca de 500 metros, o indivíduo foi carregado pela trilha e conduzido ao Hospital Universitário de Florianópolis.

De acordo com o tenente Valter Barreiros Neto, do Águia 02, o homem tinha ferimentos graves nas duas mãos e o rosto bastante machucado. Além das queimaduras, estilhaços de madeira haviam penetrado diversas partes de seu corpo, como as pernas.

A vítima foi conduzida ao Hospital Universitário de Florianópolis - Águia 02/Divulgação/ND
A vítima foi conduzida ao Hospital Universitário de Florianópolis – Águia 02/Divulgação/ND

Estado

Nenhum conteúdo encontrado