Homem é retirado do mar por militares após desobedecer decreto em Balneário Camboriú

Mesmo após o decreto e inúmeros avisos que proíbem acesso às praias, um homem desobedeceu e foi visto nadando na Praia Central, em Balneário Camboriú. O caso ocorreu por volta das 18h30 dessa segunda-feira (23).

O homem foi flagrado pela Polícia Militar, que fazia rondas usando quadriciclo. Ele estava nadando em direção à boia em frente ao posto de salva-vidas.

PM faziam rondas em quadriciclos na praia, quando viram o homem nadando – Foto: PM/ND

A PM pediu apoio ao Corpo de Bombeiros e uma equipe entrou no mar para orientar o homem a sair.

Ele disse que estava ciente sobre o decreto assinado pelo prefeito Fabrício de Oliveira (Podemos), que proíbe acesso às praias para evitar o avanço do novo coronavírus. No entanto, afirmou que entrou no mar para “treinar natação”.

O homem assinou um termo circunstanciado por desobediência à determinação e se comprometeu em comparecer no Fórum.

O decreto

O prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício de Oliveira, assinou no dia 19 de março o decreto que proíbe acesso às praias pelo período de sete dias.

Nestes dias também está proibido o trânsito e permanência nas praias, como medida emergencial para o enfrentamento da disseminação do Covid-19.

Leia também: 

Saúde