Homem que matou casal de idosos para roubá-los no Vale do Itajaí é condenado a 60 anos

Atualizado

A Justiça condenou Henrique Quirino de Marcos a 60 anos de prisão. Ele matou violentamente um idoso e a esposa dele com intenção de roubá-los, o que configura latrocínio. O crime ocorreu no interior de pequena cidade de Vitor Meireles, de 5 mil habitantes, no Vale do Itajaí.

Assassino matou José Floriano da Silva, de 71 anos, e a esposa dele, Tereza Calizário da Silva, de 57 – Reprodução

A denúncia da Promotoria de Justiça de Presidente Getúlio relata que, na madrugada de 16 de setembro de 2018, Henrique matou José Floriano da Silva, de 71 anos, e a esposa deste, Tereza Calizário da Silva, de 57 anos. Ele assassinou o casal com golpes de faca e de um bastão. Depois roubou os pertences.
As investigações chegaram até o autor do fato por meio de denúncia anônima. A roupa utilizada por Henrique no dia do crime foi encontrada e encaminhada para o Instituto Geral de Perícias (IGP) para realização de perícia.
De acordo com o Promotor de Justiça Eliatar Silva Junior, a autoria do latrocínio ficou provado por meio do exame de DNA realizado na roupa de Henrique, quando foi encontrado sangue das vítimas, em conjunto com a prova testemunhal.
O juiz da Comarca de Presidente Getúlio, Felipe Agrizzi Ferraço, sentenciou Henrique Quirino de Marcos a 60 anos de reclusão em regime inicialmente fechado pelo crime de latrocínio. A decisão é passível de recurso.

Mais conteúdo sobre

Polícia