Homônima de modelo que acusa Neymar mora na Grande Florianópolis e relata ameaças

Atualizado

Com o nome quase igual ao da modelo que acusa o atacante Neymar de estupro, a moradora de São José Najela Trindade está sofrendo consequências pela polêmica envolvendo o jogador da seleção brasileira. O nome da mulher do caso é Najila Trindade. As informações são do Portal UOL.

Najela Trindade afirma que sua vida se transformou em um inferno desde domingo – Facebook/Reprodução

De acordo com informações apuradas pelo UOL, apesar da grafia diferente, Najela está sendo confundida com a modelo e sendo atacada nas redes sociais. Ela afirma que desde o último domingo (2), sua vida se transformou em um verdadeiro inferno.

Ao contrário de Najila, que é modelo, Najela é manicure, casada e mora em São José, na Grande Florianópolis.

Algumas coincidências que vão além do nome contribuem para que a confusão aconteça nas redes sociais. Najila e Najela têm um filho pequeno e uma foto nas redes sociais em que aparecem usando uma regata preta, além de ambas serem loiras.

Najela contou à reportagem do UOL que chegou a receber mais de mil mensagens em suas contas no Facebook e Instagram.

As mensagens eram todas em defesa de Neymar, com pessoas a acusando de ser aproveitadora. O teor é agressivo e carregado de discursos de ódio.

Leia também:

Najela ainda relata que a confusão tem afetado toda a sua rotina e também a vida de seus familiares.

Desde que o escândalo começou, ela conta que sua mãe também tem recebido diversas ofensas e seu marido virou alvo de insultos e piadas. Muitas pessoas o chamam de “corno” e outros até o acusam de ter se unido à mulher para aplicar um golpe em Neymar.

Manicure e filho evitam sair de casa

Najela disse que tem evitado sair de casa e que até mesmo seu filho, de apenas um ano, tem ficado dentro de casa, para não sofrer com o problema.

A manicure relata um medo constante de sofrer agressões. Nesta semana, ela conta que saiu de casa apenas para procurar um advogado que a ajude com toda a confusão.

Após encontrar o defensor Marcus Vinícius Stopassoli, Najela detalhou que ele a orientou a fazer um texto em seu Facebook esclarecendo todo o mal entendido. Ela também postou um vídeo explicando a confusão.

A manicure disse, no entanto, que a estratégia não adiantou e ela novamente recebeu críticas, sendo chamada de mentirosa e acusada de pintar o cabelo para disfarçar.

Najela também ressaltou à reportagem do UOL que todo o caso está carregado de machismo, e que ela, e também sua homônima Najila Trindade, têm sofrido com isso antes mesmo que o caso seja julgado pela Justiça.

Mais conteúdo sobre

Polícia