Iceberg cinco vezes maior do que São Paulo está à deriva na Antártida

Atualizado

Após vagar por dois anos pelos mares da Antártida, o maior iceberg do mundo se descolou da costa e está à deriva no Mar Antártico.

Com o peso de um trilhão de toneladas, equivalente a 1 milhão e 11 mil aviões AirBus A380 carregados, o maior modelo para voos comerciais, e de tamanho quatro vezes maior do que a Grande São Paulo, o iceberg pode apresentar riscos ao ir para o mar aberto.

Iceber de 1 trilhão de toneladas se “descolou” da costa e está a deriva

Chamado de A68, o iceberg está sendo levado pelo mar para o norte. No último ano, o A68 ganhou mais velocidade em direção a ilha de Geórgia do Sul, que fica no Oceano Antártico.

A presença de objetos tão grandes como o A68 no mar são um risco para navios e embarcações, pois podem entrar em rotas de colisão. Mas, cientistas como o professor Adrian Luckman, geólogo da Universidade de Swansea, no País de Gales, Reino Unido, afirma que considerando o tamanho do objeto, os danos foram mínimos.

Leia também:

Quando o iceberg se descolou na Antártica, esperava-se que ele quebrasse rapidamente, pois sua proporção entre tamanho e espessura são similares a uma folha de papel A4, mas nesses dois anos isso não ocorreu.

Segundo Luckman, o grande motivo para a grande área de gelo ter se descolado da antártica foi o aquecimento global.

Mais conteúdo sobre

Meio Ambiente