Idoso com covid-19 morre quatro dias após receber alta médica em SP

Atualizado

Um homem de 72 anos morreu nesta quarta-feira (25), quatro dias depois de ter recebido alta médica do Hospital Vitória da Anália Franco, na zona leste de São Paulo. A alta foi dada por ele não ter “sintomas graves da covid-19” — doença provocada pelo novo coronavírus.

Vitorio Negri Neto, de 72 anos, morreu quatro dias após receber alta em SP – Foto: Facebook/Divulgação

Vitorio Negri Neto, que trabalhava como orçamentista, apresentou os primeiros sinais de infecção na quarta-feira (18). Na quinta (19), chegou a ser internado na unidade de saúde, mas foi liberado pelos médicos por não sentir falta de ar e a febre ter cessado.

Leia também

O paciente não tinha histórico de doença crônica, condição que pode agravar o quadro de saúde desse grupo de risco.

Ele foi diagnosticado com o vírus na segunda-feira (23), após realização de exame laboratorial. No entanto, na manhã de quarta-feira (25), apresentou “delírio e, na sequência, uma parada cardíaca.”

De acordo com informações de familiares, a autópsia teria indicado que a morte foi provocada pela covid-19.

O que diz o hospital

Em nota enviada ao Portal R7, o Hospital Vitória Anália Franco reforçou que segue os protocolos relacionados à doença e que o isolamento social deve ser indicado para as “formas leves e moderadas” da infecção.

A unidade de saúde também reforçou quais os sintomas em que a internação deve acontecer. “Somente pacientes considerados graves – que apresentem comprometimento respiratório – devem ser mantidos em internação hospitalar. Os pacientes são recomendados voltar à unidade em caso de agravamento dos sintomas e piora clínica”, diz a nota oficial.

Mais conteúdo sobre

Saúde