Idoso de 74 anos tenta atear fogo em casa após agredir esposa em Tijucas

Atualizado

A Polícia Militar foi acionada na madrugada desta quinta-feira (4) para atender a uma ocorrência de violência doméstica em Tijucas, na Grande Florianópolis. Chegando ao local, os policiais se depararam com uma tragédia. Um idoso de 74 anos havia tirado a própria vida após agredir a esposa, 71, e tentar atear fogo na casa onde o casal vivia, na rua do Governo.

Vítima de agressão disse que acordou com pancada na cabeça – Reprodução Policia Militar

Leia também

Segundo a PM, o homem acordou a esposa com uma forte pancada na cabeça. Devido aos gritos da vítima, a vizinhança acordou e se reuniu na frente da casa, suspeitando que o casal estava sendo vítima de um assalto.

Conforme o relato dos moradores à polícia, o homem mandou os vizinhos irem embora e alegou que a esposa estava “doente”. Mas os gritos por socorro persistiram. Foi quando os vizinhos entraram na casa e retiraram a idosa lá. Imediatamente acionaram a PM e os Bombeiros.

Nesse meio tempo, o idoso andava de um lado para o outro dentro da casa, repetindo a frase: “o que eu fui fazer “. Os vizinhos perceberam que havia fumaça e entraram novamente na casa. A cama estava pegando fogo, mas eles conseguiram apagar as chamas com baldes d’água.

Ao procurarem pelo idoso, os vizinhos o encontraram morto nos fundos da casa. Eles tentaram salvá-lo, mas não foi possível. Junto a ele estava uma marreta possivelmente utilizada na agressão contra a esposa.

Mais conteúdo sobre

Polícia