Joinvilense conta sua versão para confusão com cantor que acabou na delegacia

Arquivo/ND

“Minha vida pessoal é diferente da dele, que vive de escândalos”, diz Heluise Maes

Esquecer de tudo. Esse é o objetivo da joinvilense Heluise Maes, 32 anos, depois de ser exposta para o Brasil inteiro por uma confusão protagonizada com o cantor Beto Barbosa, famoso nas décadas de 80 e 90 como um dos expoentes do ritmo musical conhecido como lambada.
“Eu tenho meu emprego a zelar. Minha vida pessoal é muito diferente de toda aquela bagunça que Beto Barbosa fez na TV, diferente da vida dele, que vive de escândalos. Também tenho que resguardar minha filha”, disse Heluise, que é advogada e servidora pública, para a reportagem do ND em uma conversa pelas redes sociais.

Leia a matéria completa na edição desta terça-feira (13/3/12) do jornal Notícias do Dia de Joinville

Polícia