Jovem gaúcho desaparece após vir para SC em carona compartilhada por aplicativo

Vinicius Tendero Nunes, 28 anos, está desaparecido desde o começo da madrugada de terça-feira (29), quando pegou uma carona compartilhada pelo aplicativo BlaBlaCar. O jovem saiu de Tramandaí, Rio Grande do Sul, com destino a Santa Catarina.

Nunes não deu mais notícias a família, que não sabe ao certo qual seria o destino dele no território catarinense. Os familiares informaram que ele viajou em busca de emprego. A viagem foi realizada com mais três passageiros, além do motorista.

Segundo Bruna Tendero Nunes, o celular de Vinicius está desligado. Ainda de acordo com ela, a empresa BlaBlaCar entrou em contato e disse que Vinicius havia desembarcado em São José, mas a empresa de aplicativo não deu a localização exata.

Ela relatou ainda que a BlaBlaCar só dará informações mais detalhadas se forem solicitadas pela polícia. Vinicius teria vindo para uma vaga de emprego em uma empresa de tv por assinatura. A família entrou em contato com a empresa, que respondeu que ele não faz parte do quadro de funcionário e que ninguém recebeu a visita do jovem.

Conforme depoimento da irmã, Vinicius confiava em caronas compartilhadas, pois ele já trabalhou como motorista de aplicativos similares e, inclusive, no próprio BlaBlaCar.

Ele vestia uma bermuda escura, chinelos, camiseta cinza clara e levava uma mochila. O BlaBlaCar não informou o modelo do carro da carona. Qualquer informação deve ser repassada para uma autoridade mais próxima. O sistema das delegacias para casos de desaparecidos é integrado no Estado e permite que o registro do reaparecimento ou qualquer informação seja direcionada para a delegacia especializada. 

Em um posicionamento enviado ao Notícias do Dia pela BlaBlaCar, a empresa informou que está colaborando com as autoridades que investigam o desaparecimento do jovem. “Nos solidarizamos com a família do Vinícius e seguimos em contato com os pais do usuário para ajudar na apuração dos fatos. Também entramos em contato com o condutor da carona, que se colocou à disposição para auxiliar com as informações necessárias”, informou assessoria do aplicativo.

Leia mais

Os desaparecidos de SC: o drama da espera e as peculiaridades da vida real

Mais conteúdo sobre

Região

Nenhum conteúdo encontrado