Mãe de bebê agredida pelo pai presta depoimento em Capivari de Baixo, no Sul de SC

Uma mulher, mãe de uma bebê de dois meses que sofreu agressões investigadas pela polícia, prestou depoimento em Capivari de Baixo, no Sul do Estado. O próprio pai da criança é o principal suspeito de ter cometido as agressões. No depoimento de três horas, a mãe disse que não denunciou o fato porque ela própria sofre de violência doméstica há pelo menos quatro anos.

A mãe está sendo investigada por omissão no caso da agressão ao bebê. Agora a Polícia Civil quer ouvir o agressor novamente, desta vez para averiguar se houve violência doméstica contra a mãe, o que pode fazer com que ele responda também por outros crimes.

A criança, que segue internada no Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Tubarão, deu entrada no hospital outras quatro vezes. A polícia investiga as circunstâncias dessas quatro internações. A avó da criança também foi ouvida pela polícia.

O pai do bebê está na Penitenciária Sul, de Criciúma. Ele havia sido levado inicialmente para Tubarão, mas precisou ser transferido após haver a possibilidade de ele ser agredido por outros presos.

Com informações da RICTV Record SC.

Estado

Nenhum conteúdo encontrado