Mais de 29 mil pessoas já foram prejudicadas pela chuva em Santa Catarina

Chega a 90 o número de municípios que relataram algum tipo de dano; previsão de chuva intensa permanece até quinta-feira

Até às 17h desta quarta-feira (7), a Defesa Civil do Estado contabilizou 90 municípios com algum tipo de dano provocado pela chuva persistente que cai sobre Santa Catarina desde o dia 26 de maio. Ao todo, foram abertos 60 abrigos em dez cidades, que estão com lotação de 2.667 moradores.

Há outras 21.620 pessoas que estão em casas de parentes e amigos. Ao todo, foram registrados danos em 8.883 imóveis com danos estruturais, afetando 29.350 pessoas.

O Sul da Ilha foi uma das regiões afetadas pela chuva em Florianópolis - Flávio Tin/ND
O Sul da Ilha foi uma das regiões afetadas pela chuva em Florianópolis – Flávio Tin/ND

Rio do Sul e Lages são as cidades com situação mais crítica. Somente nessas duas localidades há 1.485 pessoas em abrigos públicos. Itens de assistência humanitária foram distribuídos, como cestas básicas, kits de limpeza e de higiene pessoal, colchões e acomodações.

Com o alívio na chuva desde a terça-feira (6), os rios que passam por Santa Catarina começaram a baixar, mas estão sendo constantemente monitorados. Na Bacia do Rio Itajaí em Rio do Sul e Rio do Oeste, a água ainda estava com mais de 9 metros acima do normal às 18h desta quarta-feira. A situação é de emergência, assim como em Taió.

Lages é uma das cidades em situação mais crítica no Estado - James Tavares/ Secom/Divulgação
Lages é uma das cidades em situação mais crítica no Estado – James Tavares/ Secom/Divulgação


>> Após frente fria, Santa Catarina poderá ter a primeira neve do ano na sexta-feira

Às 18h, a barragem de Ituporanga, no Alto Vale do Itajaí, ainda permanecia com 100% de sua capacidade cheia, com suas cinco comportas fechadas. No Vale Oeste, a barragem de Taió está com 78,6% de seu reservatório e três comportas foram abertas. A abertura das outras quatro comportas está condicionada ao acompanhamento dos níveis dos rios das cidades próximas.

No Vale Norte, a barragem de José Boiteux deve permanecer com as duas comportas fechadas, preservando as condições hidrológicas dos municípios do Médio Vale e da Foz do Rio Itajaí Açú. O reservatório está com 13% de sua capacidade.

“Temos uma situação melhor do que os últimos dias. Os níveis dos rios estão baixando; a chuva de ontem (terça-feira) e hoje (quarta-feira) não é mais o fator principal porque teve um volume bem reduzido. Entretanto, ainda temos indicativos de chuva para a quinta-feira e na madrugada de sexta e por isso a gente mantém as informações com as Defesas Civis locais no sentido de que as cotas emergenciais e prudenciais, que foram definidas em conjunto conosco, sejam ainda respeitadas”, disse o Secretário de Estado da Defesa Civil, Rodrigo Moratelli.

“Tão logo o cenário de chuva dessa semana se caracterize, vamos fazer a desaceleração das cotas emergenciais e prudenciais de acordo com a evasão dos rios”, completou.

Situação das rodovias

Na manhã desta quarta-feira (7), duas rodovias ainda apresentavam problemas relacionados à chuva em Santa Catarina. No km 253 da BR-282, em São José do Cerrito, há interdição total após parte do asfalto ceder. Às 20h, a PRF informou que ainda não havia previsão para liberação e que uma opção para motoristas que pretendiam seguir a rodovia pelo trecho é contornar pela BR-116.

O km 144 da BR-470, em Rio do Sul, teve um afundamento de asfalto e o trânsito ficou alternado entre os dois sentidos até as 14h, quando o reparo foi concluído e o trânsito liberado.

O km 44 da BR-470, em Gaspar, corre pequeno risco de deslizamento. Segundo avaliação do DNIT , o material que desceu será retirado e serão feitas mais retiradas, caso necessário, além do monitoramento do local, tanto pelo DNIT, quanto por equipes da PRF. O local possui três faixas e uma delas foi fechada com sinalização. Por volta das 17h20, devido à queda de uma barreira no km 45, o fluxo passou a seguir com desvios pela pista contrária e acostamento.

O asfalto cedeu no km 144 da BR-470, em Rio do Sul. O trecho está parcialmente interditado - PRF-SC/Divulgação/ND
O asfalto cedeu no km 144 da BR-470, em Rio do Sul. O trecho está parcialmente interditado – PRF-SC/Divulgação/ND

De acordo com a Polícia Militar Rodoviária Estadual, a SC-108 teve problemas em três pontos. No km 174, em Major Gercino, o trânsito fluiu com dificuldade durante o dia devido a uma queda de barreira. Neste caso, a situação já havia sido normalizada até a noite. Em São João Batista, a mesma rodovia teve uma queda de barreira no km 158, já resolvida, e um deslizamento no km 165, que continua fazendo com que o tráfego siga em meia pista.

O trânsito está interrompido entre o km 335 e o km 346 da SC-350 em Rio do Oeste devido ao acúmulo de água e lama na pista. O mesmo problema acontece no km 359, em Rio do Sul, mas neste trecho os veículos conseguem passar com dificuldade.

Na SC-114, em Taió, o tráfego está em meia pista no km 18 devido a uma queda de barreira. A polícia pede atenção redobrada aos motoristas que passarem pela SC-108, entre Guaramirim e Blumenau, e na SC-110, entre Jaraguá e Pomerode, por causa dos danos nas pistas. 

Chuva continua intensa até quinta-feira

De acordo com a Epagri/Ciram, a chuva volta a ficar constante na tarde desta quarta-feira.  Há previsão de chover entre 10mm e 30 mm em média no Estado, com pontuais de 50 mm no Oeste e Meio Oeste.

Uma nova frente fria volta a atuar na quinta-feira (8), com chuva mais intensa e valores de 40mm a 60 mm, em média, e pontuais em torno de 80 mm no Oeste e Meio Oeste. No Litoral Norte e na Grande Florianópolis, a média será de 10mm a 20 mm com pontuais de 30 mm. Há risco de temporais isolados no Estado. Como o solo já está bastante encharcado, a Defesa Civil do Estado continua emitindo alertas para riscos de deslizamentos e alagamentos durante o período.

No decorrer da sexta-feira (9) o sol volta a aparecer no Estado com declínio da temperatura, devido à chegada de uma intensa massa de ar frio.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Notícias

Loading...