Mais de 300 kg de cocaína são apreendidos em Barra Velha

Atualizado

Mais de 300 kg de cocaína foram apreendidos na manhã desta quinta-feira (26), após uma ação da Polícia Civil em Barra Velha, no Litoral Norte do Estado. Na ação, armas e munições também foram encontrados.

Droga foi encontrada em uma casa no bairro Itajuba – Foto: Polícia Civil/Divulgação/ND

A apreensão ocorreu após uma prisão realizada por agentes da Polícia Civil em Campos Novos, no Meio Oeste Catarinense nesta quarta-feira (25). Segundo o delegado Adriano Almeida, os policiais faziam a fiscalização em uma barreira sanitária quando receberam informações que na região estaria ocorrendo um assalto. Ao chegar no local, porém, um dos homens relatou que havia sido sequestrado.

“Ele contou que tinha sido sequestrado devido a uma dívida de drogas e que só seria liberado após o pagamento”, explica. Em Campos Novos, um homem foi preso em flagrante por sequestro.

A DIC (Divisão de Investigação Criminal) em conjunto com a Polícia Militar, iniciaram a investigação do caso sobre a suspeita do crime de extorsão mediante sequestro envolvendo negociações de tráfico de drogas de um grupo criminoso que atua na região de Barra Velha.

“Então acionamos policiais civis do litoral e houve essa grande apreensão”, conta Adriano.

De acordo com o delegado Procópio Batista, de Barra Velha, a carga com cerca de 380 kg de cocaína foi apreendida  em uma casa no bairro Itajuba. No local, a polícia também encontrou dois fuzis 762, uma escopeta e munições. Na ação, ainda, dois veículos foram apreendidos.

Um suspeito foi preso em flagrante em Barra Velha por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo de uso restrito. Ele foi encaminhado ao sistema penitenciário.

Apreensão ocorreu após uma ação da Polícia Civil de Campos Novos – Foto: Polícia Civil/Divulgação/ND

A operação contou com a atuação conjunta da Delegacia de Polícia de Barra Velha, Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Campos Novos, além da Delegacia de Polícia de Piçarras e da Polícia Militar de Campos Novos, Penha e Navegantes.

Leia também:

Polícia