‘Mais uma farsa desmontada’, diz Bolsonaro após divulgação de vídeo

Atualizado

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) reafirmou nesta quarta-feira (22), horas após a divulgação de trechos da reunião ministerial citada pelo ex-ministro Sérgio Moro, que o conteúdo das imagens não aponta para tentativas de interferência na PF (Polícia Federal). “Mais uma farsa desmontada”, disse ele.

De acordo com o presidente, as imagens apresentadas pelo vídeo mostram seu modo de ser – Foto: Marcos Correa/R7/ND

“Qual é o ponto do vídeo em que eu interfiro na Polícia Federal? Não existe!”, garantiu o presidente em entrevista à rádio Joven Pan. Os trechos da reunião ministerial do dia 22 de abril foram liberados pelo ministro Celso de Mello, do STF (Supremo Tribunal Federal). A divulgação mantém sigilo apenas de partes em que há referência a determinados Estados estrangeiros.

Leia também:

De acordo com o presidente, as imagens apresentadas pelo vídeo mostram seu modo de ser. “Antes da eleição eu era assim. Como militar eu era assim”, pontou.

“Quem não quiser ouvir palavrão vote em um engomadinho que mete a mão no povo, completou Bolsonaro. Ele avaliou ainda que sua vida “acabou nos últimos anos, porque não faltam pessoas que querem o executar.

Política