Atualizada: Manifestantes pedem justiça pela morte de bebê no Hospital Infantil de Joinville

Menino Bryan Honório de Lima Pereira, de seis meses, morreu na semana passada

Divulgação/ND

Manifestação silenciosa ocorreu na quarta-feira, outra está marcada para este sábado

Uma manifestação anunciada como pacífica e silenciosa em frente ao Hospital Infantil Dr. Jeser Amarante Faria acontece neste sábado (5), a partir das 14h, no bairro América, zona Norte de Joinville.

O protesto, organizado por familiares e amigos do menino Bryan Honório de Lima Pereira, pede justiça pela morte do bebê de seis meses ocorrida há uma semana na unidade de saúde.

Segundo a mãe, Sabrina Honório, Bryan teria morrido devido à demora no atendimento e, acredita ela, pela administração incorreta de um medicamento que teria acelerado os batimentos cardíacos da criança.

O Hospital Infantil emitiu nota explicando que todos os recursos e protocolos disponíveis foram empenhados no atendimento da criança. (Leia abaixo, a nota na íntegra)

Esta será a segunda manifestação. A primeira ocorreu na última quarta-feira (2). Segundo os organizadores, outras mães que alegam ter perdido seus filhos devido a erros médicos possivelmente ocorridos dentro do hospital devem participar do protesto neste sábado.

O encontro dos manifestantes, vestidos de branco, ocorre na rua Araranguá, 554, em frente à recepção central.

Nota de Esclarecimento

Em relação ao caso do paciente B.H.L.P., nascido em 5/8/2015, o Hospital Infantil Dr. Jeser Amarante Faria esclarece que toda a equipe, recursos e protocolos disponíveis foram empenhados no atendimento.

Às 13h04 de 21 de fevereiro, os responsáveis pelo bebê procuraram o Pronto-socorro da unidade com queixa de tosse e coriza. Após atendimento médico e realização de exames, o paciente foi liberado. No momento da alta, foram receitados medicamentos e a família orientada a retornar ao hospital em caso de piora do quadro ou alguma mudança significativa no estado de saúde do paciente.

Na tarde de 24 de fevereiro, em novo atendimento no Pronto-socorro, o paciente foi prontamente medicado e encaminhado para internação aos cuidados da equipe de pneumologia pediátrica.

No início da manhã do dia 25, o paciente foi atendido por médico especialista que prosseguiu com o tratamento medicamentoso e continuidade na assistência pela equipe de enfermagem.

Devido ao quadro de esforço respiratório apresentado pelo paciente, um médico plantonista realizou atendimento no setor às 14h15.

Às 16h12, o paciente foi novamente assistido por profissional médico, apresentando instabilidade no quadro clínico com parada cardiorrespiratória e necessitando da aplicação de manobras de reanimação, sem sucesso. Às 16h58, foi declarado o óbito.

O Hospital Infantil se solidariza com a família neste momento de luto.

Joinville, 4 de março de 2016.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...