Florianópolis ainda registra problemas pontuais no abastecimento de água

Segundo a Casan, equipes foram triplicadas e trabalham para reforçar a vazão da água em ruas onde há instabilidade

Após dias de trabalho para normalizar o abastecimento de água na Grande Florianópolis, a Casan (Companhia Catarinense de Águas e Saneamento) informou nesta sexta-feira (26) que a água voltou a chegar a todas as cidades abastecidas pela adutora danificada no domingo (21): São José, Biguaçu, Santo Amaro da Imperatriz, Palhoça e Florianópolis. Mesmo assim, alguns problemas pontuais ainda foram registrados pela companhia ao longo do dia, como nos bairros Itacorubi e Córrego Grande, comunicados principalmente por moradores de pontos mais altos.

Adutoras romperam em Santo Amaro da Imperatriz - Defesa Civil/Divulgação
Adutoras romperam em Santo Amaro da Imperatriz na madrugada de domingo – Defesa Civil/Divulgação

“São muitos os casos de pessoas que relatam não ter água em casa, mas o vizinho ao lado tem. Quando isso ocorre, é possível garantir que a água já está circulando naquela rua”, disse a companhia por meio da assessoria de imprensa. “Ao mesmo tempo em que cada caso é avaliado pontualmente, manobras técnicas estão destinando mais volume a pontos onde há relatos de que a água retornou, mas voltou a faltar, pois o alto consumo – totalmente justificável após o corte prolongado – está exigindo novos reforços na pressão”.

Nesta sexta, a companhia não recebeu relatos de novos problemas no Continente relacionados ao estrago da adutora que abastece a região. Ocorrências causadas por vazamentos e pela instabilidade da água enviada pelas bombas, no entanto, foram recebidas. 

Ainda conforme a Casan, “a situação está aparentemente sob controle”. Desde quinta (25), a companhia triplicou o número de equipes nas ruas para identificar casas, prédios e ruas específicas que ainda sofriam com a falta da chegada da água – os funcionários vêm reforçando a vazão nas ruas para facilitar o abastecimento. Na Grande Florianópolis, nesta sexta, 80 equipes atuaram ao longo do dia. Neste final de semana, elas trabalharão em situação de emergência para conter as eventuais ocorrências, garante a empresa.

A adutora de 800 mm, que capta água bruta do Rio Pilões e leva para ser tratada na Estação de Tratamento de Água Cubatão, foi consertada na noite de terça-feira (23). De acordo com a Casan, ainda há equipes reforçando o terreno do local, que continua bastante encharcado. Após o fim da etapa, as mesmas máquinas e equipes que realizam os trabalhos serão destinadas às obras das adutoras complementares, de 600 mm e 500 mm.

+

Notícias