Moradores denunciam risco de queda de muro na Ponta do Leal, em Florianópolis

Atualizado

Um muro com risco de queda vem preocupando moradores do bairro Estreito, na área continental de Florianópolis. Localizada na Ponta do Leal, a estrutura sofre com a erosão causada pela maré alta e chuvas desde que o edifício foi entregue. A secretaria de Infraestrutura e Defesa Civil devem ir até o local na tarde desta segunda-feira (17) para verificar a situação.

Muro em edifício da Ponta do Leal, no Continente, está sob risco de cair – Karina Koppe/RIC TV

Segundo os moradores, o muro torto e danificado fica cerca de 10 metros de distância do primeiro bloco do prédio.

Entregue em janeiro deste ano com atrasos e impasses no projeto, o edifício foi viabilizado pelo Ministério das Cidades através do Programa Minha Casa Minha Vida, para desapropriar moradores da região que viviam em casas de palafitas.

Leia também:

Iniciada em setembro de 2014, a obra tinha previsão de término em agosto de 2016, mas a construtora não conseguiu terminar os trabalhos por conta da crise econômica e deixou a construção inacabada. Após dois anos, o trabalho foi retomado, em dezembro de 2017.

Cerca de 80 famílias moram no local – Karina Koppe/RICTV

No prédio moram pouco mais de 80 famílias, divididas em três blocos com 24 apartamentos. Em média, cada residência tem 58 m², com sala, cozinha, área de serviço, dois quartos, banheiro e sacada com churrasqueira.

Infraestrutura