Polícia investiga caso de gato amarrado e arrastado por motocicleta em Xanxerê

Atualizado

A Polícia Civil de Xanxerê, no Oeste do Estado, acompanha um caso de maus-tratos registrado no município na última segunda-feira (16).  Amarrado a uma motocicleta, um gato foi arrastado por uma rua do bairro Santa Cruz. A situação chocou o município.

Animal está internado em estado grave – Reprodução/Grupo Bem Estar-Animal/ND

De acordo com o delegado Albino Souza de Araújo, o piloto da motocicleta alegou que antes de sair de casa, um familiar dele amarrou o animal na moto. Ele não teria percebido, pois estava com pressa. Com isso, o gato foi arrastado por vários metros. 

“Recebemos a notícia e começamos a apurar o caso. Localizamos o endereço da família e o gato, com várias lesões”, disse o delegado. 

Araújo ainda não sabe a distância exata que o animal foi arrastado. Vizinhos contaram à polícia que o motociclista ‘andou muito’. A Polícia Civil fez um Termo Circunstanciado e o suspeito deve responder por maus-tratos. 

Ainda de acordo com o delegado, o homem vai ser ouvido nos próximos dias, em seguida, o caso será remetido ao Poder Judiciário. “A gente acredita que não houve maldade”, pontuou Albino. 

Animal 

O gato sofreu inúmeras lesões, segundo a Polícia Civil. A Ong Bem-Estar Animal, de Xanxerê, divulgou uma nota e imagens do caso

“Assim podemos definir a situação vivida hoje. A denúncia que chocou e nos deixou estarrecidos hoje foi a de que um morador que arrastou um gatinho amarrado em sua moto, por algum tempo”, disse. 

Ainda conforme a organização, diversos moradores presenciaram o caso.  “A cena foi vista por muitas pessoas, crianças inclusive, que não conseguiam entender tamanha maldade. Imediatamente foi acionado a Polícia Civil para averiguar os fatos”, lembrou a Ong na nota. 

O gatinho foi socorrido e levado para a Clínica Veterinária Xanxerê, com vários ferimentos. Ele está internado na unidade em estado grave. “Deve permanecer por mais alguns dias”, disse uma funcionária.  

Polícia