Mulher é presa em Concórdia tentando subornar diretor de presídio

Ao tentar subornar o diretor do Presídio de Concórdia para transferir o companheiro da unidade prisional de Joaçaba, uma mulher foi presa em flagrante na tarde desta quinta-feira (30). Para conseguir a transferência do marido, ofereceu ao diretor R$ 5 mil. No momento em que entregava parte do dinheiro como adiantamento (R$ 3 mil) foi detida pela polícia, que filmou toda a ação. O restante disse que pagaria assim que o homem fosse realocado.

A mulher ainda teria exigido algumas regalias ao companheiro, como maior tempo de banho se sol. Ela foi levada justamente para onde queria que o companheiro ficasse: o Presídio Regional de Concórdia. Agora permanece à disposição da justiça pelo crime de corrupção ativa – a pena para o crime é de dois a 12 anos de prisão.

Divulgação Polícia Civil/ND

Mulher é presa em Concórdia ao subornar diretor de presídio com R$ 5 mil

No momento que entregava parte do dinheiro como adiantamento foi detida pela polícia, que filmou toda a ação

Estado