Marcos Cardoso

A sociedade da Grande Florianópolis, os eventos culturais e as tradições da região analisadas pelo experiente jornalista Marcos Cardoso.


Notas: Ações do bem / República Tcheca / Ocupação imobiliária

Ações do bem

Enquanto o Encontro de Gigantes promovido pela Associação Comercial e Industrial e Câmara de Dirigentes Lojistas de Tijucas arrecadou 7,5 toneladas de alimentos para famílias em situação de vulnerabilidade social da cidade, a Cervejaria St. Oicle e o projeto Sou Estreito, em Florianópolis, angariaram 1.176 quilos de comida em troca de cerveja artesanal, além da doação de R$ 700 para outras compras. A arrecadação vai para o Cedep (Centro de Educação Popular), no Monte Cristo.

República Tcheca

Professor universitário e carnavalesco José Alfredo Beirão Filho, que já esteve por lá, também pode mostrar talento literário e ainda ganhar R$ 1 mil. O Escritório de Turismo da República Tcheca, com a revista “Viajar Pelo Mundo” e o site mundoviajar.com.br, está promovendo um concurso para novos autores brasileiros sob o tema “Pense Algo Bonito, Sonhe com a República Tcheca”. Os participantes devem escrever um conto que envolva uma cidade tcheca, exceto Praga. Inscrições até o dia 15 de junho.

Ocupação imobiliária

A casa ocupada por anos pela Clínica do Cérebro, na rua Presidente Coutinho, em Florianópolis, não existe mais. O terreno se juntou a outro com testadas para a rua de trás, Feliciano Nunes Pires, e para a travessa ao lado, Albertina Ganzo, onde o que havia já estava demolido. Por hora, vai funcionar como estacionamento, mas certamente ali será erguido um edifício, não se sabe se residencial ou comercial. Especula-se que há intenção de ampliar ainda mais a área para a tal construção.

Já na avenida Mauro Ramos, um terreno próximo à praça do banco redondo (um dos patrimônios manés), no sentido Beira-mar Norte, ganhou tapumes depois de décadas. É um mistério aquele pedaço de terra no Centro da cidade. Justamente por estar abaixo do recém-restaurado palacete onde morou o governador Hercílio Luz, seu uso depende da legislação que impede construções de obstruírem a contemplação de patrimônio artístico e histórico.

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

+ Marcos Cardoso