Nuvem de fumaça encobre parte de Florianópolis por causa de incêndio na Serra do Tabuleiro

Atualizado

A Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros Militar confirmaram que a névoa que encobriu a parte continental de Florianópolis desde o começo da noite desta terça-feira (10) é resultado da queimada que atinge o Parque Estadual da Serra do Tabuleiro em Palhoça.

Nuvem de fumaça sobre região continental da Grande Florianópolis – Diogo Maçaneiro/ND

Conforme o tentene do Corpo de Bombeiros Militar, Cristiano Cardoso, o “cheiro de queimado” que atinge a Grande Florianópolis é decorrente do vento que espalha fumaça para outras regiões.

Devido ao forte vento na região, uma equipe permaneceu na área das queimadas durante a noite para garantir que as fagulhas não cheguem às residências próximas ao parque.

Leia também: 

O vento no quadrante sudoeste favorece a propagação do incêndio e a fumaça no sentido nordeste, ou seja, em direção à Florianópolis.

A equipe do Corpo de Bombeiros Militar está desde 11h30 desta terça-feira (10), tentando apagar o incêndio que atinge o Parque Estadual Serra do Tabuleiro.

Além da equipe da Palhoça, foi necessário chamar bombeiros que estavam de folga para dar apoio e solicitar ajuda do helicóptero Arcanjo 1, a equipe área do Corpo de Bombeiros Militar de Florianópolis.

Geral