Alargamento da praia de Canasvieiras impacta no comércio e turismo da Capital

Atualizado

Comunidade e comerciantes de Canasvieiras comemoram resultado do alargamento da faixa de areia da praia – Leonardo Sousa/PMF/Divulgação/ND

Faixa de areia da praia de Canasvieiras antes do início das obras de alargamento realizadas pela Prefeitura de Florianópolis – Leonardo Sousa/PMF/Divulgação/ND

Moradores e turistas já aproveitam a nova praia de Canasvieiras nesta temporada, que ganhou uma faixa de areia que abrange de 40 a 50 metros por meio das obras de alargamento do balneário, realizadas pela Prefeitura de Florianópolis e inauguradas nesta sexta-feira (17), às 9h.

A mudança já trouxe impactos para o comércio e turismo da Capital, afirmam moradores e comerciantes do bairro. Para o presidente do Codeni (Conselho de Desenvolvimento do Norte da Ilha, os serviços vão ampliar o número de vagas e renda. “A obra de alargamento de Canasvieiras será um marco na história do turismo da Capital, o Norte da Ilha ganha muito com essa iniciativa. Com certeza, a mudança atrairá muitos turistas do Brasil e exterior, convidamos todos para conhecer a nova praia, a nossa Cancun.  Moradores e turistas comemoram o resultado, a gente vê a repercussão nas redes sociais e também é procurado por pessoas que vêm comentar sobre a nova faixa de areia. A obra é espetacular, esplêndida e vai trazer muitos benefícios, principalmente para essa região. Vai alavancar o comércio do Norte da Ilha, trazer mais emprego, renda e impostos, que se refletirão na melhoria na qualidade de vida de todos”, analisa.

O prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, destaca a importância da realização uma demanda da comunidade local há mais de 35 anos. “Foi uma obra única e desafiadora. Há décadas se sonhava com o alargamento dessa praia, que agora vive uma nova realidade. Apesar de curto, conseguimos cumprir o prazo contratual de 22 de janeiro. A intenção inicial era até adiantar para dezembro e evitar transtornos na temporada. Mas a obra já mostra o quanto era importante ao olhar essa praia cheia com muito mais capacidade”, afirma.

Simoney Nascimento, diretor da regional da Acif (Associação Comercial e Industrial de Florianópolis) em Canasvieiras e manezinho nascido e criado no bairro, a inauguração é a realização de um sonho. “A entidade batalhou, pediu para que isso fosse feito e o poder público nos apoiou, realizou essa obra maravilhosa. Já tivemos neste ano uma temporada de 30 a 40% melhor que no ano passado. É um sonho concretizado de todo manezinho e também dos argentinos, que vêm   nos visitar, muitos há 30 anos e agora têm essa nova praia para curtir suas férias. Às vezes venho aqui e tenho que me beliscar para acreditar que é verdade”, enfatiza.

Investimento na obra foi de R$ 10,5 milhões e foram retirados, ao todo, 408 mil m3 de areia – Leonardo Sousa/PMF/Divulgação/ND

Benefícios para moradores e visitantes

Moisés Cunha, o Zezo, outro morador antigo do bairro, destaca que o serviço beneficiará toda a comunidade. “A gente já pedia essa obra há 30 anos. Antes era complicado, ficava todo mundo aglomerado na faixa de areia, os moradores tinham que disputar espaço com os turistas, mas agora o resultado ficou muito bom”, diz.

A turista paranaense Annete Marcidelli vem todos os anos para Florianópolis e passa por Canasvieiras, uma de suas praias preferidas. Neste verão, ela foi ao balneário especialmente para conferir as obras de alargamento, sobre as quais havia lido na internet e disse que o resultado surpreendeu. “ A praia está linda, maravilhosa, vim à cidade antes do início das obras, em agosto, em uma passagem rápida, e não imaginava que agora já estaria aproveitando essa maravilha de faixa de areia. Parabéns à Prefeitura da Capital pela iniciativa. Ficou muito boa, com espaços até para praticar esportes. É inacreditável a transformação! Também é preciso que os banhistas se conscientizem e respeitem a natureza, não joguem lixo na orla e ajudem a manter a praia bonita e limpa para todos”, conclui.

Comerciantes de Canasvieiras avaliam que movimento já melhorou de 30 a 40% no bairro nesta temporada, em relação à anterior – Leonardo Sousa/PMF/Divulgação/ND

Serviços e investimento

O trecho que recebeu as obras fica localizado entre a saída do Rio do Brás e Canajurê, que contempla mais de 2.300 metros de extensão. O trabalho das dragas, que podem se deslocar a até 200 metros da beira-mar, consistiu em retirar a areia de uma jazida submarina que tem cor e espessura semelhante à atual e fica a 1,4 km de distância da orla. Para isso foram utilizadas tubulações flutuantes da jazida até o local onde puderam ir os equipamentos. O maquinário transferiu a para fora da água. Tratores executaram o trabalho de manutenção de aparelhamento da areia. O investimento na obra foi de R$ 10,5 milhões e foram retirados, ao todo, 408 mil m3 de areia. Com o fenômeno da maré alta, a orla de Canasvieiras, a partir de agora, deve ser de 30 a 35 metros, quando estabilizada.

O secretário de Infraestrutura de Florianópolis, Valter Gallina,  reforça que o alargamento do balneário beneficia a população em todos os segmentos. “Essa é uma obra que traz mais desenvolvimento econômico, fomenta o turismo, gera emprego e renda e, principalmente, eleva a autoestima de moradores e visitantes da nossa cidade. Nós trouxemos o equipamento e mais de 400 mil metros cúbicos de areia em apenas quatro meses. O serviço foi completamente concluído em nível de engordamento, as tubulações que ficavam sob a areia já foram retiradas e agora estamos retirando as que ficavam no mar. A alegria de ver essa obra concluída é imensa”, resume.

Conforme determina a Lei Municipal nº 10.199, de 27 de março de 2017, a Prefeitura Municipal de Florianópolis informa que a produção deste conteúdo não teve custo, e sua veiculação custou R$2.000,00 reais neste portal.

Prefeitura de Florianópolis