Operação Oxigênio: presidente da Câmara de Vereadores de município do Rio é preso

Atualizado

Um dos presos preventivamente pela Operação Oxigênio no Rio de Janeiro é o atual presidente da Câmara de Vereadores de São João do Meriti. Davi Perini Vermelho é apontado pela investigação como comprador da empresa Veigamed e foi preso na manhã deste sábado (6).

O vereador Davi Perini Vermelho foi preso neste sábado (6) – Foto: Câmara de Vereadores de São João do Meriti/Divulgação

No Rio de Janeiro, os policiais prenderam ainda César Augusto Martinez Thomaz Braga, advogado, que segundo a investigação, teria firmado documentos como diretor jurídico da empresa. Um terceiro investigado, Pedro Nascimento Araújo, apontado como CEO da Veigamed, também teve a prisão preventiva expedida.

Ao todo, cinco mandados de busca e apreensão e três de prisão preventiva estão sendo cumpridos no Rio de Janeiro. Em São Paulo, a polícia também cumpre mandados.

Leia também:

Já em Santa Catarina, a segunda etapa da Operação resultou na prisão do ex-secretário da Casa Civil, Douglas Borba e do advogado Leandro Barros. De acordo com a investigação, os dois estariam envolvidos em fraudes ligadas a compra de 200 respiradores pela Secretaria de Estado da Saúde, pelo valor de R$ 33 milhões.

Mais conteúdo sobre

Notícias