Operação prende quadrilha por tráfico de drogas em Brusque

Após dois meses de investigações, Polícia Civil em conjunto com a Militar, apreendeu drogas, armas, dinheiro e eletrônicos

Cinco homens e uma mulher foram presos nessa segunda-feira (7), em Brusque, durante operação da Polícia Civil, com auxílio da PM. Foram apreendidos equipamentos eletrônicos, armas, R$ 25 mil em dinheiro e drogas.

As prisões ocorreram na localidade do Boa Parada, no Beco Coador e no Bairro Águas Claras. Segundo o Delegado Alex Bonfim Reis, que comandou as investigações, o grupo agia em consórcio e era liderado por Rômulo Silva Stolze, 39 anos, conhecido como Alemão e Moacir Dias, 38 anos.

Também foram presos: Luciano José Almeida Santos, 33 anos, conhecido como Baiano; Guilherme dos Santos, Gomes, 19 anos, o Zoio; Paulo Ricardo Macedo Santos, 25 anos; e Juliana Heck, 26 anos, que seria a esposa do Alemão.

Rádio Cidade/ ND Vale

Foram apreendidos equipamentos eletrônicos, armas, R$ 25 mil em dinheiro e drogas

As evidências e os indícios de que o grupo tinha forte atuação no tráfico de drogas, ficaram claras durante a prisão de Jeferson Ramos, em fevereiro. Ele trazia para a quadrilha, desde a cidade de Itajaí, uma grande quantidade de crack, escondida na fralda de um dos filhos de Jeferson.

Nesta segunda-feira, a polícia tinha a informação de que Alemão e Moacir haviam se deslocado para Itajaí, com o intuito de adquirir mais entorpecentes. Ao abordar os suspeitos a polícia localizou uma grande quantidade de maconha, cocaína, crack, lança perfume e também esctasy. Foram apreendidas ainda quatro armas, dois revólveres calibre 38, uma garrucha calibre 22, os três municiados e uma espingarda de pressão.

Rádio Cidade/ ND Vale

A quadrilha foi abordada após buscar entorpecentes em Itajaí

Também foram apreendidas cinco motocicletas: duas CG 125, uma Bros 150, uma CB 300 e uma Yamaha Feiser 250. Os policiais também encontraram munições de uso restrito, entre as quais, de fuzil. E mais de R$ 25 mil em espécie, além de diversos produtos eletroeletrônicos, como notebooks, tablets, telefones celulares, monitores, TVs, relógios, câmeras fotográficas. A suspeita é que esses produtos sejam furtados e que foram provavelmente trocados por drogas.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Blumenau e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Notícias

Loading...