Paulo Alceu: “Pandemia não atingiu o comércio de produtos para pets, ele cresceu e se fortaleceu”

A pandemia não atingiu o comércio dos pets, na verdade, ele cresceu e se fortaleceu. Com a pandemia, responsável por desempregos e inclusive quebradeiras, um segmento não tem do que reclamar. “Eu me refiro aos petshops. Também pudera, nesse período de isolamento e dificuldades houve um incremento de 54% na adoção de animais domésticos”, explica Paulo Alceu.

Além da companhia, provocando um conforto psicológico, esses animais de estimação acabam movendo a engrenagem da economia impulsionando vários setores. Atualmente, esse mercado representa 0,36% do PIB brasileiro. Movimenta bilhões de dólares em todo o mundo e o Brasil está entre os cinco países onde houve um fortalecimento do setor.

Veja o comentário de hoje completo no vídeo.

Gosta dos comentários do Paulo Alceu? Você encontra todos eles na área da NDTV Record TV do portal ND+. Acesse: https://ndmais.com.br/tag/paulo-alceu/

+

ND Notícias

Loading...