Polícia faz buscas para prender suspeitos de assalto no Oeste catarinense

Atualizado

Um assalto a residência na Linha Santa Terezinha, no interior de Saudades, no Oeste catarinense, mobilizou as polícias Militar e Civil na manhã desta quinta-feira (22). Um suspeito de 27 anos foi detido em Chapecó. As buscas seguem com apoio do helicóptero do Saer-Fron para prender outros dois homens.

Suspeito seguiam rumo ao Rio Grande do Sul – RICTV/Divulgação/ND

De acordo com a Polícia Militar, dois homens chegaram na casa e pediram um copo com água para a moradora, de 47 anos. Ao ir buscar, a mulher foi rendida junto com o pai, de 84 anos. Eles foram amarrados e ameaçados de morte. 

Os bandidos exigiam armas e dinheiro, conforme a polícia. Após o crime, eles fugiram do local com vários objetos, entre eles eletrodomésticos, R$ 400 e um GM/Prisma da família. Um terceiro homem teria dado apoio na fuga. 

Diversos objetos foram encontrados dentro do carro da família – RICTV/Divulgação/ND

Fuga 

Ciente do assalto em Saudades, a Polícia Militar de Chapecó passou a monitorar os veículos. Durante uma  tentativa de abordagem, o motorista de um Prisma acelerou e tentou fugir das guarnições pela SCT-480. 

Nas proximidades do cemitério Jardim do Éden, o motorista perdeu o controle do veículo e invadiu o canteiro central. O grupo abandonou o carro e começou a fuga a pé.

Um suspeito foi preso. Os demais, segundo a polícia, fugiram pela mata e ainda não foram localizados. Durante as buscas, os policiais encontraram um revólver calibre. 38. 

Polícia