Suspeitos de atirar por engano em jovem durante festa são presos em São Bento do Sul

Atualizado

Quatro pessoas foram presas na manhã desta sexta-feira (11), suspeitas de envolvimento no crime que terminou com uma jovem de 24 anos baleada por engano numa boate de São Bento do Sul, no Planalto Norte. Um adolescente também foi apreendido durante a operação da Polícia Civil.

Quatro pessoas foram presas suspeitas de envolvimento no crime – Foto: Polícia Civil/Divulgação

O crime ocorreu no dia 8 de setembro deste ano. Segundo o delegado Gustavo Muniz, os suspeitos teriam se envolvido em uma briga no interior da boate. Com o início da confusão, os seguranças levaram os envolvidos para fora do local.

Nesse momento, um dos homens teria ido até um carro, pegado uma arma e disparado em direção a outra pessoa. Porém, o tiro acabou acertando o abdômen de Adryana Rodrigues, de 24 anos.

Um vídeo, divulgado nas redes sociais, mostra o momento em que o suspeito começa a atirar pelo menos sete vezes. Além disso, segundo a polícia, no momento do disparo os outros envolvidos lançaram pedras e objetos em direção às vítimas.

Segundo Muniz, além dos mandados de prisão, outros nove mandados de busca e apreensão também foram cumpridos. Celulares, entorpecentes e certa quantia em dinheiro foram apreendidos durante as buscas.

Os suspeitos também são investigados por envolvimento no tráfico de drogas e crime organizado. Após a prisão, eles foram encaminhados ao Presídio Regional de Mafra. Já o adolescente aguarda indicação de vaga em estabelecimento próprio.

Adryana foi baleada com um tiro no abdômen – Foto: Arquivo Pessoal

Vítima está em fase de recuperação

Segundo familiares, Adryana está recebendo acompanhamento de um fisioterapeuta, com o intuito de recuperar o movimento das pernas. Além disso, a jovem ainda sente dores na região onde recebeu o tiro, mas não corre o risco de ficar paraplégica.

Relembre o caso

O fato aconteceu na madrugada de domingo em uma casa de shows em São Bento do Sul. De acordo com a polícia, uma briga teria acontecido dentro do estabelecimento. Os seguranças, para conter a confusão, levaram os envolvidos para fora do local.

Nesse momento, o suspeito teria ido até um carro, pegado uma arma e disparado em direção a outra pessoa. Porém, o tiro acabou acertando Adryana, que foi socorrida pelos brigadistas do local.

Leia também:

Polícia