PRF flagra 35 motoristas embriagados em blitz da Lei Seca na Grande Florianópolis

Atualizado

Uma blitz da Lei Seca realizada pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) em São José, na Grande Florianópolis, resultou em 35 flagrantes de motoristas embriagados. A ação teve início por volta das 22h30 desta sexta-feira (14) e terminou à 1h30 deste sábado (15).

Fiscalização da PRF durou cerca de três horas – PRF/Divulgação/ND

O grupo de 18 policiais rodoviários federais lavrou 61 autos de infração durante as cerca de três horas de fiscalização. Além dos motoristas embriagados, os agentes identificaram condutores sem habilitação e outras irregularidades. Um veículo clonado foi retido pelos policiais, que também lavraram um termo circunstanciado por porte de maconha e cocaína

Segundo a PRF, a blitz contou com um bafômetro passivo durante a triagem dos motoristas, o que agilizou os procedimentos. O equipamento é um pequeno bastão, que verifica a presença do álcool no ar sem que o motorista precise assoprar o bocal. O bafômetro passivo, que permite realizar até 12 testes por minuto, começou a ser utilizado pela PRF em Santa Catarina este ano.

Blitz no Centro de Florianópolis

A Guarda Municipal de Florianópolis também realizou uma blitz da Lei Seca entre o fim da noite desta sexta e as primeiras horas de sábado. A ação resultou na abordagem de 248 veículos na região central da Capital, na avenida Paulo Fontes.

Nenhum motorista se recusou a fazer o teste do bafômetro durante blitz da Guarda Municipal – PMF/Divulgação/ND

Os guardas municipais realizaram 79 testes do bafômetro, mas não identificaram nenhum condutor alcoolizado. Nenhum motorista se recusou a fazer o teste.

Durante a fiscalização, três pessoas foram autuadas por conduzirem veículos que não estavam devidamente licenciados e duas por conduzirem veículos sem carteira de motorista. Um carro foi flagrado com película irregular e um condutor foi autuado com a CNH vencida.

Mais conteúdo sobre

Trânsito