Quadrilha provoca terror em casa de Santo Antônio de Lisboa

A casa do advogado Amauri Canto, 68 anos, em Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis, foi invadida sexta-feira de manhã por quatro ladrões armados. Os criminosos amarraram quatro adultos e roubaram joias, roupas, perfumes importados, óculos de sol, televisores e vários eletrônicos, que foram colocados em dois carros da família levados pelos ladrões: Peugeot e um Fiesta. Um dos suspeitos, Gioavani Amarante Borges Júnior, 20 anos, foi capturado logo em seguida no bairro Monte Verde, por policiais militares do 4º BPM.

Segundo um dos filhos do advogado, Marcelo, quando o pai abriu a porta para passear com o cachorro labrador foi dominado pelos bandidos na garagem. Sob ameaças da arma, Amauri retornou para casa junto com os bandidos. “De meu quarto, ouvi barulho. Quando tentei sair da cama fui rendido por dois assaltantes”, disse. O irmão de Marcelo, Rodrigo, 38, que dormia em outro quarto, também foi dominado e levado para outro cômodo onde estavam os pais Amauri e Vanessa, e Marcelo.

Todos foram amarrados pelos pulsos com fios elétricos. “Eles zombavam da gente enquanto roubavam uísque e outras bebidas destiladas”, contou Marcelo, acrescentando que a gangue comemorava de maneiro sarcástica: “Hoje a noite vai ser boa”. Marcelo contou que os bandidos humilhavam e diziam para minha mãe preparar pizza.

A família foi empurrada para o banheiro enquanto a quadrilha saqueava a casa. “Eles ficaram tocando terror mais de uma hora, mas o tempo custava a passar, parecia uma eternidade”, comentou.

Prisão no Monte Verde

A gangue deixou a casa levando os dois carros da família. Após deixar os objetos roubados em algum local, dois deles saíram com o Peugeot e o Fiesta, talvez para abandoná-lo na região do Monte Verde. Foi ali que os dois bandidos encontraram uma guarnição do P2 (PMs que não usam farda) em rondas de rotina.

O tenente PM Adriano de Farias Jerônimo, 34 disse que desconfiou da conduta dos dois motoristas e tentou abordá-los. “O motorista do Fiesta conseguiu fugir, mas Giovani, que guiava o Peugeot, foi preso”. Mais tarde, os policiais recuperaram o Fiesta, abandonado entre os bairros Saco Grande e Monte Verde.

Gioavani, com várias passagens por assalto, já cumpriu pena na penitenciária. Em 2012 ganhou alvará de soltura, mas continuou roubando. “Semana passada eles invadiram um casa no bairro Trindade, roubaram um Fiat Uno, vermelho e fizeram roleta russa numa criança de 18 dias”, dias contou o oficial. Giovani foi atuado em flagrante na 5ª DP.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Notícias

Loading...