Quadrilha que se passava por funcionários de banco é presa na Grande Florianópolis

Atualizado

Três homens que se passavam por funcionários de agências bancárias foram presos na tarde desta terça-feira (11) na BR-101, em Biguaçu, na Grande Florianópolis. A quadrilha de estelionatários, que inclui homens de 31, 32 e 48 anos, utilizava crachás falsos e oferecia ajuda às pessoas nos caixas eletrônicos.

Quadrilha de estelionatários se passava por funcionários de agências bancárias – Divulgação/PRF

No momento da ação, os estelionatários memorizavam a senha dos clientes e trocavam o cartão da vítima por outro cartão do mesmo banco. De posse do cartão e senha da vítima, sacavam dinheiro e faziam “compras” em uma máquina que levavam consigo, provavelmente registrada em nome de uma empresa laranja.

A estimativa da polícia é de que o trio aplicava golpes desde março de 2019 e teria feito novas vítimas nesta segunda-feira (10). Os homens foram detidos em um veículo alugado, modelo GM/Onix, e foram reconhecidos por policiais rodoviários federais. Em um compartimento secreto, atrás do rádio do veículo, os agentes encontraram cerca de 30 cartões e seis crachás de identificação bancária falsos.

Leia também:

O trio mora em São Paulo e já tem antecedentes criminais pelo mesmo crime. A quadrilha foi encaminhada à Central de Polícia de São José.

Polícia