Ponte Hercílio Luz: Restauração do cartão postal de Florianópolis chega na reta final

Estrutura provisória superior está sendo desmontada. Foto: Anderson Coelho/ND

Faltando menos de seis meses para o prazo estipulado para conclusão, a reforma da centenária Ponte Hercílio Luz entrou em contagem regressiva após a transferência de 80% da carga realizada no último mês de maio. Atualmente, os trabalhos se concentram na retirada de toda a estrutura provisória da parte superior, além da pintura e instalação do piso no vão central da estrutura.

De acordo com o engenheiro fiscal da reforma da ponte Hercílio Luz, José Abel da Silva, o cronograma da reforma está em dia e a última parte do trabalho será a retiradas das estruturas provisórias que apoiaram a ponte Hercílio Luz durante a troca dos cabos pendurais e substituição das barras de olhal. “Essas estruturas ainda servem para que o pessoal possa trabalhar”, explica Silva.

As atividades da empresa Teixeira Duarte, responsável pela reforma, ainda envolvem cerca de 450 trabalhadores apesar do estágio final da obra. Com a instalação do piso em ambos os lados da estrutura, e das passarelas e guarda-corpos, os trabalhos estão concentrados no vão central, onde funcionários utilizam a técnica do rapel para desmontar a estrutura provisória instalada para a reforma com auxílio de duas gruas.

Guarda corpos e passarelas já foram instaladas. Foto: Anderson Coelho/ND

Duas balsas também auxiliam nas atividades realizadas no vão central. O clima tem sido propício, uma vez que o mar agitado poderia prejudicar o andamento dos trabalhos. “Não é fácil trabalhar em cima dessas balsas. Na segunda e terça-feira (quando choveu) não conseguimos trabalhar, mas o tempo ajudou no restante da semana”, relatou Silva.

Todo cuidado é pouco nessa fase da reforma. Por isso, todas as peças retiradas de um lado da estrutura precisam ser retiradas do outro lado também. “Precisamos manter o equilíbrio da ponte, uma vez que ainda falta fazer a transferência de 20% de carga da ponte, e não podemos comprometer todo o serviço que já foi feito”, destaca Silva.

A instalação total do piso deverá estar concluída até o mês de setembro, de acordo com o cronograma da reforma.  “Prosseguimos na fase de acabamento”, completa Silva.

Iluminação terá edital lançado na próxima semana

A secretaria estadual de Infraestrutura deverá lançar na próxima semana o edital de licitação para instalação da iluminação pública na ponte Hercílio Luz. O sistema não foi previsto no edital de reforma da estrutura que está sob responsabilidade da empresa portuguesa Teixeira Duarte.

Trabalho de instalação do piso em aço será concluído até setembro. Foto: Anderson Coelho/ND

Apesar de não ter sido previsto no edital de reforma, a instalação do sistema de iluminação não vai atrasar o cronograma da obra que deverá ser entregue em dezembro. “Estamos fazendo os últimos acertos no edital e poderemos fazer a instalação da iluminação mesmo com a retirada da estrutura provisória superior. Não vai haver qualquer prejuízo”, avisa Silva, diante de insinuações de que o processo poderia custar mais caro para o Estado.

A iluminação da ponte Hercílio Luz foi desligada em 29 de julho de 2016 para realização das obras de reforma e só voltou a ser discutida na atual gestão do governo do Estado. Agora, a secretaria estadual de Infraestrutura discute com a Celesc como será feita o pagamento do consumo de energia elétrica da estrutura.

Como se trata de uma empresa de economia mista, a Celesc não pode fazer uma doação ao governo do Estado. A solução pode ser através de um convênio de repasse de parte do ICMS da Celesc para o Estado. A Procuradoria Geral do Estado analisa a viabilidade jurídica e financeira da proposta.

Infraestrutura