Reunião na Câmara de Florianópolis vai discutir situação dos trabalhadores da Zona Azul

Para esclarecer dúvidas e incertezas em relação aos direitos trabalhistas após o rompimento dos serviços com a empresa Dom Parking, que administrava o sistema de estacionamento rotativo da Zona Azul na Capital, os funcionários dispensados procuraram a Comissão do Trabalho, Legislação Social e Serviço Público, da Câmara Municipal de Florianópolis.

Administração municipal rompeu contrato com a empresa da Zona Azul. – Foto Flavio Tin/ND

De acordo com o presidente da Comissão do Trabalho, vereador Dalmo Meneses (PSD), foi marcada uma reunião extraordinária para entender a situação e buscar uma saída para o caso que envolve mais de 100 pessoas.  A reunião será às 15h desta quinta-feira (19).

“Nós vamos acompanhar de perto e buscar uma solução conjunta para que essas famílias que dependem desse salário possam receber pelo tempo que trabalharam na empresa. Tivemos muitas reclamações de que a empresa não estaria depositando o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e isso precisa ser apurado,” disse o vereador.

Leia também

De acordo com a assessoria de imprensa da Câmara de Vereadores, foram convidados para discutir a situação dos trabalhadores representantes do Ministério Público do Trabalho, Procuradoria do Município, Secretaria de Transporte e Mobilidade Urbana, Sintrasem, Sindicato dos Empregados no Comércio de Florianópolis e o Supervisor da Dom Parking.

Trânsito