Safra da tainha termina com números negativos no Litoral Norte de SC

A safra da tainha terminou com números negativos no Litoral Norte do Estado. É o que aponta os dados preliminares divulgados nesta semana pela Epagri.

Em Barra do Sul, houve queda de 75% em relação ao ano passado – Foto: Junior Nauperto

De acordo com o levantamento, em Balneário Barra do Sul houve uma queda de 75% em comparação ao ano passado. No município, apenas 15 toneladas de tainha foram capturadas em 2019, um número bem abaixo das 62 toneladas de 2018.

Já em Barra Velha, a estimativa é que apenas três toneladas foram pescadas na cidade durante toda a temporada.

Leia também:

A safra da tainha terminou no dia 1º de agosto. A falta de dias com clima frio é uma das justificativas para a queda na captura do pescado.

Outro aspecto que pode ter influenciado nos números é a demora na liberação da pesca industrial, o que atrasou a ida das embarcações para o mar. Os pescadores industriais só puderam iniciar os lanços no dia 7 de julho.

A queda no número de tainhas refletiu nas prateleiras. Na época, o peixe foi vendido entre R$ 9,90 sem a ova, e R$ 21,90 com ova.

Mais conteúdo sobre

Economia