Suspeita de abandonar criança para viajar será interrogada em Jaraguá do Sul

Atualizado

A Polícia Civil de Jaraguá do Sul ouvirá nesta quarta-feira (10) a mulher acusada de deixar uma criança de 10 anos sozinha em casa enquanto viajava. Outras testemunhas também foram ouvidas sobre o caso.

Num primeiro momento, a suspeita era de que a mulher seria mãe da criança. Mais tarde, a investigação apurou que se tratava da ex-namorada do pai do menino e que ela o teria adotado. A polícia também investiga se a situação da adoção é regular e se os pais biológicos tem contato com a criança.

O caso foi descoberto na noite de segunda-feira (9). A irmã do menino o encontrou sozinho na casa e chamou a polícia. Para a PM, a criança contou que a madrasta havia viajado para o Paraná com o namorado e outras duas amigas. Como não tinha mais espaço no carro, ele foi deixado em casa.

O Conselho Tutelar foi acionado e a criança está aos cuidados da avó paterna.

Polícia