Suspeita de fraude milionária leva polícia a cumprir mandados em Balneário Camboriú

Atualizado

Balneário Camboriú está entre as cinco cidades onde a Polícia Civil do Paraná cumpre mandados de busca e apreensão na manhã desta quinta-feira (21). A operação investiga fraude em uma licitação de R$ 10,3 milhões, para melhorias no sistema de iluminação pública de Foz do Iguaçu.

Os alvos dos mandados não foram divulgados e a expectativa é de que a informação seja revelada no período da tarde, após a operação. Porém, a Polícia Civil do Paraná disse, em nota enviada à imprensa, que:

“As investigações caminham para apurar o envolvimento de “laranjas”, empresários e agentes públicos municipais no esquema fraudulento”.

Grande operação

São mais de 80 agentes nas ruas desde o início do dia para cumprir 25 mandados. A operação acontece simultaneamente também nas cidades de Cascavel, Ponta Grossa, Curitiba e Fazenda Rio Grande, todas no estado vizinho.

A Polícia Civil do Paraná afirma que “encontrou indícios de que houve manipulação para que a empresa beneficiada com a fraude fosse a ganhadora do processo licitatório”. Apontou ainda “que há suspeitas de que as cotações de preços utilizadas para firmar o valor estipulado no edital oficial seriam fraudulentas e com valores superfaturados para a licitação”.

Mais conteúdo sobre

Polícia