Suspeito de participação na morte de empresário decapitado é preso em Corupá

Homem de 26 anos foi detido por agentes da DIC de Jaraguá do Sul

Um homem de 26 anos foi preso na tarde desta terça-feira (15) em Corupá, suspeito de participar do assassinato do empresário Nelson Krobott, de 66 anos, encontrado decapitado no último dia 13 de março. O suspeito foi detido por agentes da DIC (Divisão de Investigação Criminal) da Polícia Civil de Jaraguá do Sul e teve o mandado de prisão temporária cumprido na residência de uma dos irmãos, em Corupá. 

Arquivo Pessoal/ND

Cabeça do empresário foi encontrada no domingo (13)
 

De acordo com a polícia, a suspeita é de que o homem tenha participado do crime com outras três pessoas, todos jovens, sendo um adolescente, que já foram identificadas e estão sendo procuradas.

Segundo o Delegado de Polícia Civil Evandro Abreu, da DIC de Jaraguá do Sul, a motivação do crime teria sido uma briga entre os quatro amigos suspeitos e a vítima, após ingestão de bebida alcoólica. Os quatro teriam investigados teriam ido acampar em um sítio e estavam bebendo. A vítima, que estava no sítio vizinho e viu a festa, teria se aproximado e, em determinado momento, eles se desentenderam.

Ainda não saiu o laudo cadavério que constate a causa da morte. “Inicialmente, há suspeita de afogamento, mas também lesões na cabeça da vítima”, disse o delegado.

No domingo, um morador do bairro encontrou o seu cachorro arrastando uma sacola pelo bananal. Quando foi verificar o que o animal tinha, constatou que se tratava de uma cabeça humana. O corpo decapitado foi localizado na manhã de segunda-feira (14) na rua Jorge Lacerda, aproximadamente a um quilômetro de onde estava a cabeça de Krobboth, no bairro Ano Bom.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...