Suspeitos de integrar quadrilha de estelionatários são presos na Grande Florianópolis

Cinco pessoas foram presas em Palhoça, na sexta-feira (9), acusadas de fazer parte de uma quadrilha de estelionatários que age no Sul do país.

Conforme a Polícia Civil, foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão e cinco pessoas foram presas em flagrante por crimes de falsa identidade e uso de documento falso.

Ação ocorreu em Palhoça – Polícia Civil/Divulgação

Esta foi a segunda etapa da investigação que apura a prática de estelionato, associação criminosa, uso de documento falso e adulteração de sinal identificador de veículo automotor pela quadrilha no município da Grande Florianópolis.

Ainda segundo a Polícia Civil, foi apurado que os suspeitos aplicam golpes, principalmente relacionados a negociação comercial de automóveis, há vários anos no Sul do país.

Na primeira etapa, dois homens foram autuados em flagrante por estelionato, associação criminosa e corrupção de menores, após serem surpreendidos em meio a uma negociação fraudulenta de um veículo – eles contavam com o auxílio de dois adolescentes.

A operação contou com o apoio do IGP (Instituto Geral de Perícias) para a coleta papiloscópica dos investigados.

Mais conteúdo sobre

Polícia