Suspeito de simular roubo de carga têxtil é preso em operação em Itajaí

Policial  - Polícia Civil/Divulgação/ND
Agentes da DRFC/Deic cumpriram mandados de prisão contra mais de um suspeito nesta sexta – Polícia Civil/Divulgação/ND

Agentes da DRFC/Deic (Divisão de Furtos e Roubos de Cargas da Diretoria de Investigações Criminais) cumpriram nesta sexta-feira (1°), em Itajaí, mandado de prisão preventiva contra um suspeito de participar de um esquema que simula o roubo de cargas.

A ação faz parte da operação realizada em dezembro do ano passado, que desarticulou um grupo criminoso responsável pela simulação do roubo de uma carga têxtil que estava avaliada em R$ 500 mil.

Um dos indiciados, um homem de 42 anos, foi detido na noite desta sexta-feira enquanto se divertia em uma festa em Itajaí e foi encaminhado ao sistema prisional, onde permanece à disposição da justiça para esclarecimentos. Ele estava foragido desde dezembro de 2018.

Os envolvidos respondem por crimes de associação criminosa, furto qualificado, receptação e comunicação falsa de crime.

O esquema

Em dezembro de 2018, o material importado foi carregado em Itajaí e tinha como destino São Paulo. O motorista registrou um Boletim de Ocorrência na cidade Praia Grande, interior de São Paulo, sobre o roubo da carga têxtil. A farsa foi descoberta através de uma investigação da DRFC/Deic.

A polícia descobriu que os criminosos burlaram o sistema de rastreamento do caminhão e desviaram a carga, que ainda estava em território catarinense. O motorista, o proprietário do caminhão e demais envolvidos foram presos em outras oportunidades. Mandados de prisão e busca e apreensão foram cumpridos nas cidades de Itajaí, Florianópolis, Balneário Piçarras e no Estado do Paraná.  

Polícia