Trabalhadores do transporte coletivo aprovam ‘estado de greve’ em Florianópolis

Atualizado

Após assembleia que ocorreu na tarde de quinta-feira (6), os trabalhadores do transportes coletivo de passageiros aprovaram ‘estado de greve’. Segundo o Sintraturb – sindicato da categoria – a proposta patronal foi rejeitada por unanimidade. 

​”A categoria aprovou declarar estado de greve a partir da manhã desta sexta-feira, cumprindo a Lei de Greve que determina que o comunicado seja realizado com no mínimo 72 horas de antecedência”, diz informe divulgado pelo Sintraturb.  

Pelas redes sociais, o sindicato manifestou que há insatisfação com o corte de postos de trabalho dos cobradores de ônibus.

“Isso mobilizou toda a categoria, uma vez que o corte representa a sobrecarga dos motoristas que já vivem uma rotina tensa e estressante. Sem contar com uma precarização da qualidade na prestação de serviços tal como: o aumento do tempo de percurso, no assédio e na segurança”, registrou o Sintraturb, sobre uma das assembleias com os funcionários que ocorreu na terça-feira (4).

 Outro ponto levantado pelo sindicato é o reajuste salarial somente pelo INPC (que está em 5,07%) sem nenhum aumento real.

Mais conteúdo sobre

Geral