Trabalho da Cidasc com aves migratórias garante que Santa Catarina fique livre de doenças aviárias

É um trabalho que praticamente quase ninguém vê, mas que com certeza tem uma importância sem tamanho! Nos meses de outubro e novembro profissionais da Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc) monitoram as aves migratórias que vem de todos os cantos do mundo e param em Santa Catarina para descansar e se alimentar.

Essas aves podem trazer doenças para Santa Catarina, e contaminar animais e a população. A equipe do Balanço Geral conta todos os detalhes para você em mais uma reportagem da série “Agro, a Força da Economia Catarinense”. Confira!

+

Agro – A Força da economia catarinense