Troca de tiros entre traficantes e polícia deixa seis mortos e um ferido em Angra dos Reis

Atualizado

Seis criminosos morreram e um ficou ferido em troca de tiros na madrugada desta segunda-feira (12) entre traficantes de drogas e homens da tropa de elite da Polícia Militar, na comunidade Parque Belém em Angra dos Reis, no sul fluminense.

Em nota, a Polícia Militar informou que foram apreendidos três fuzis, duas espingardas, uma pistola automática, munições, 572 pinos de cocaína e 368 pequenos pacotes dessa substância.

Devido ao poderio bélico dos traficantes, a unidade da polícia militar de Angra pediu reforço ao Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) que seguiu do Rio para o município que fica a cerca de 200 quilômetros da capital.

Com a chegada do Bope à noite, a comunidade do Belém foi cercada pelos militares e após intenso tiroteio que terminou de madrugada, seis criminosos morreram e um deles acabou ferido e foi encaminhado ao Hospital Municipal Geral de Japuíba, onde foi operado e está fora de perigo, de acordo com o boletim médico.

Após o tiroteio, moradores da comunidade do Belém incendiaram dois ônibus na rodovia Rio-Santos, que tiveram perda total. A rodovia ficou interditada por cerca de duas horas, mas antes das 4 horas da madrugada já estava liberada, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Mais conteúdo sobre

Polícia