Uma nova porta de entrada: como o aeroporto de Florianópolis se tornou o 2º melhor do país

Atualizado

Florianópolis é um dos principais destinos turísticos do país — foi a segunda cidade brasileira mais visitada em 2018, segundo o último Estudo de Demanda Turística Internacional divulgado pelo Ministério do Turismo. Desde outubro do ano passado, o município conta com um novo terminal aéreo preparado para atender esta demanda.

Capital tinha a pior nota entre os aeroportos do Brasil e hoje ocupa o 2º lugar na avaliação dos passageiros – Foto: Flávio Tin/ND

No mês de janeiro de 2020, cerca de 432 mil pessoas embarcaram e desembarcaram no novo terminal aeroportuário, número 33% maior que o registrado no mês de início das operações. Até o primeiro mês deste ano, 15.262 aeronaves pousaram e decolaram da estrutura para voos domésticos e internacionais, segundo a Floripa Airport.

“Florianópolis precisava de uma porta de entrada à altura da cidade. O novo aeroporto veio para preencher essa necessidade de termos mais estrutura para receber nossos visitantes e atender nossos moradores”, defende o prefeito Gean Loureiro (DEM).

Para ele, a nova gestão do terminal não se preocupa apenas em receber voos, mas também em contribuir com o desenvolvimento da Capital catarinense. “Sem dúvidas foi uma temporada singular, não só pelo novo equipamento em si, mas também pela nova administração do aeroporto, que cria eventos, negocia novos voos, pensa junto com a prefeitura em novos atrativos para a cidade”.

“Florianópolis precisava de uma porta de entrada à altura da cidade. O novo aeroporto veio para preencher essa necessidade de termos mais estrutura para receber nossos visitantes e atender nossos moradores”. – Gean Loureiro, prefeito

Aeroporto em números

  • Em janeiro de 2020, 423 mil pessoas embarcaram e desembarcaram no aeroporto de Florianópolis
  • 15.262 aeronaves pousaram e decolaram da estrutura para voos domésticos e internacionais até janeiro deste ano
  • Florianópolis foi a 2ª cidade brasileira mais visitada em 2018
  • A nota do novo terminal do aeroporto foi de 4,78, numa escala de 1 a 5
  • 49 mil metros quadrados é a área do novo aeroporto, quatro vezes maior em comparação com o anterior

Espaço quatro vezes maior

Em apenas três meses de operação com a nova estrutura, o aeroporto internacional de Florianópolis saiu da última posição e se tornou o segundo melhor do Brasil. A nota de satisfação geral dos passageiros para o aeroporto da Capital catarinense, referente aos meses de outubro, novembro e dezembro de 2019, foi de 4,78 numa escala de 1 a 5 — melhora de 22,5% em comparação com o mesmo trimestre no ano de 2018.

Novo terminal agora tem uma praça de entretenimento
e terraço panorâmico aberto ao público

As informações são da Pesquisa de Satisfação do Passageiro, divulgada pela SAC (Secretaria Nacional de Aviação Civil) do Ministério da Infraestrutura em fevereiro deste ano. O estudo analisou quesitos como melhor wi-fi gratuito, melhor limpeza e qualidade de banheiros, maior conforto térmico e acústico e melhor relação custo-benefício de lanchonetes e restaurantes.

O novo aeroporto possui uma área de 49 mil metros quadrados, quatro vezes maior em comparação com o espaço anterior, e tem capacidade para receber até 8 milhões de passageiros por ano, dobro da quantidade atendida pelo anterior. Além de contar com nove balcões de check-in, seis esteiras de bagagem e sete portões de embarque a mais que o terminal antigo, a estrutura atual traz outras melhorias.

Entre elas estão o novo sistema automatizado de despacho de bagagem, que duplicou a capacidade de processamento de bagagens; o sistema para leitura digital de passagens aéreas; a taxiway paralela à pista principal, que aumenta em 47% a capacidade de pousos e decolagens; e 10 pontes de embarque ou fingers.

O novo aeroporto da Capital catarinense também se destaca por ser o único no país equipado com carrinhos de bagagem para escada rolante e um terraço panorâmico aberto ao público, além de inovar com o Boulevard 14/32, a primeira praça de entretenimento, lazer e compras em aeroportos no Brasil.

Floripa Mais