Van escolar atropela e mata garoto de 5 anos na zona sul

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Um garoto de 5 anos morreu e a babá dele ficou levemente ferida após serem atropeladas por uma van escolar, por volta das 6h50 desta segunda (3), no Jabaquara (zona sul de São Paulo). A criança ia para a escola, que fica a cerca de dez metros do local do acidente.

A polícia investiga as circunstâncias em que o atropelamento ocorreu, pois são diferentes as versões dadas pelo condutor José Luis de Melo, 55, e pela babá Tatiane das Chagas Correa.

Tatiane disse à polícia, após ser socorrida, que atravessava a rua General Manuel Vargas, com o pequeno Nycolas Roberto Borges Cardoso, quando a van conduzida por Melo não teria respeitado o sinal vermelho, atingindo às duas vítimas, que estariam na faixa de pedestres.

Já Melo garantiu que aguardou o semáforo ficar verde, quando estava na rua 11 de Fevereiro, para acessar a via onde as vítimas foram atropeladas. Após um carro que estava em sua frente arrancar, ele afirmou que também acelerou. Quando virava à esquerda, disse que atropelou as vítimas, que atravessaram “fora da faixa”. Ele trabalha há 20 anos com o transporte particular de estudantes.

Tatiane e Nycolas foram encaminhados ao Hospital Municipal Doutor Arthur Ribeiro Saboya (zona sul), onde a criança morreu. A babá teve alta no período da tarde.

Segundo atestado de óbito, a criança morreu de politraumatismo, por conta de um afundamento no crânio.

Segundo a delegada Thaís Marafanti, do 97º DP (Americanópolis), o exame do bafômetro, ao qual o condutor foi submetido, deu negativo.

A polícia aguarda o resultado da perícia do tacógrafo, da van escolar, para saber a velocidade em que o veículo era conduzido no momento do acidente.

Nenhuma câmera de vigilância registrou o acidente e nenhuma testemunha ainda foi localizada.

+

Notícias

Loading...